Links Menu

Segurança tecnológica para nossos filhos

Atualmente, devido ao contexto em que vivemos, nossa relação com o universo digital tem se intensificado: trabalhamos, estudamos, fazemos compras, nos informamos, nos divertimos e nos relacionamos por meio da internet.  Tivemos que nos adaptar a essa realidade e, como tudo, ela nos traz pontos positivos e negativos. Por isso, é importante sempre estarmos alerta, sobretudo, quando são os nossos filhos a utilizar a rede; entretanto, sabemos que nem sempre conseguimos orientá-los ou acompanhá-los tão de perto como gostaríamos.

Nesse sentido, por mais que, em geral, crianças e adolescentes não gostam de ser monitorados, apresentamos, a seguir, algumas dicas para que façam um bom uso da internet:

  1. Oriente seu filho a nunca passar informações pessoais para pessoas desconhecidas: endereço, contatos telefônicos, imagens, todos esses dados podem ser utilizados com finalidades perigosas;
  2. Explique que há tipos de pessoas e de comportamentos que precisam ser evitados nas redes; se possível, dê exemplos;
  3. Acompanhe os conteúdos que seu filho está acessando, tais como jogos, aplicativos variados e, principalmente, redes sociais, que são locais em que ele pode interagir com pessoas, muitas vezes, desconhecidas. Algumas mídias sociais aceitam perfis acima de 18anos,mas dá para burlar e criar uma conta. Fique atento;
  4. Tenha acesso a todas as senhas do seu filho;
  5. Acompanhe o histórico de navegação do dispositivo, mas não faça isso escondido: é necessário que seu filhosaiba que você está acompanhando o que ele faz na internet;
  6. Converse com seu filho sobrequais os ambientes virtuais ele mais gosta de acessar, rede sociais, sites, páginas. Mantenha um diálogo aberto: a confiança é muito importante nesse momento;
  7. Estabeleçalimites quanto ao uso da internet: isso poderá contribuir com uma navegação mais segura e sem exageros.

Se mesmo com todas essas dicas você optar por obter um controle de acesso, no mercado existem filtrosde conteúdos e aplicativos que ajudam a proteger seus filhos na internet. Segue uma lista com sugestões dos melhores:

1.FamiSafe

Ao utilizar este inovador e altamente capacitado aplicativo, os pais podem monitorar com segurança os smartphones de seus filhos. Além disso, o aplicativo de Controle Parental da FamiSafe também permite com que os pais filtrem o conteúdo que está circulando no dispositivo de seu filho.

2.Pumpic

 O aplicativo restringe todas as formas de acesso a qualquer website que contenha material de natureza explícita.

 3.Net Nanny

O filtro de internet Net Nannyutiliza uma estratégia em tempo real para o controle de conteúdo da web. Você pode usar este aplicativo para bloquear websites que contenham conteúdo adulto ou material obsceno.

4. MMGuardian

Este aplicativo pode executar o filtro de conteúdo enquanto se navega na Internet. Com isso, seu filho estará protegido quanto ao cyber-bullying, pessoas desagradáveis eacesso a materiais adultos.

5. Funamo

O Funamo é um filtro de internet quepode identificar todo o histórico de mensagens SMS, ligações, aplicativos usados e sites que foram visitados.

6. Norton Family

Possui um banco de dados de sites que não são adequados aos seus filhos, que é constantemente atualizado. Ademais, o aplicativo também bloqueia jogos e outros aplicativos que não devem ser executados por crianças/adolescentes.

Fonte: https://famisafe.wondershare.com/br/internet-filter/best-internet-content-filters.html

 

Dadas as dicas, importante dizer que proteger os filhos não significa proibir o uso da internet, mas sim promover um ensinamento para que esta possa ser acessada com segurança, além de desenvolver a autonomia nas crianças e/ou adolescentes para o uso consciente de qualquer dispositivo com responsabilidade digital.

Lidar com o "novo normal", em momentos tão desafiadores quanto o que estamos vivendo, não parece uma tarefa fácil. Falar sobre como lidar com esse novo contexto dentro das nossas casas, os desafios enfrentados pelas famílias, adolescentes e crianças, e discutir sobre como podemos lidar com tudo isso, poderá nos ajudar a atravessar este período de uma maneira mais saudável e consciente.

Voltar

Outras notícias
© 1986/2021 Interativa Londrina.